terça-feira, 10 de novembro de 2009

Anêmona























Adônis foi mortalmente ferido pelos ciúmes do deus Marte, amante de Vênus,

que se transformou em um javali e o atacou até a morte.

Vênus, que teve em Adônis sua maior paixão, após chorar muito, desesperada de dor,

suplicou a Zeus que perpetuasse seu amor por Adônis.

Sua súplica foi atendida: com o sangue do amado foi feita a anêmona,

flor da tristeza e do consolo, de raríssima beleza, que floresce e vive por pouco tempo.

Um comentário:

  1. Nádia, a história é triste, mas a flor é linda. Besos.

    ResponderExcluir